Conheça os principais motivos de processos trabalhistas

Esse assunto exige uma atenção especial por parte das empresas, visto que O Brasil hoje está no topo do ranking no que se refere a processos trabalhistas.
A verdade é que muitas organizações a fim de reduzir custos, acabam neglicenciando alguns aspectos das leis e por muitas vezes não ter um conhecimento amplo delas, acabam por acarretar prejuízos futuros.
Trouxemos nesse post as principais coisas desses processos, confira!

Um processo trabalhista traz muito mais do que prejuízo financeiro. Também traz desgaste por ambas partes e prejuízo a imagem da marca.
Dentre os inúmeros processos, alguns são mais recorrentes:

Verba rescisória

Assim que o funcionário é demitido, seja por justa causa ou não, a empresa tem entre o 1º dia útil do termino do contrato ate o 10º dia para acertar os valores referente a rescisão. O atraso desse acerto pode acarretar em multa e o erro do calculo desses valores e descontos indevidos podem gerar um desgastante processo trabalhista.

Horas extras

Também é uma causa recorrente de processo trabalhista. Isso acontece devido ao fato de muitos empregadores não efetuarem o registro do ponto de seus funcionários que por sua vez deixa de atender as normas estabelecidas pela CLT.
A empresa pode contar com tecnologias para registrar os horários da equipe e evitar esse tipo de problema. Hoje é possivel fazer isso através do ponto eletrônico que vai garantia com eficacia o controle das horas trabalhadas.

Danos morais

Essa é a principal causa de processo trabalhista. Um processo de danos morais envolve uma situação constrangedora ou humilhante importa ao funcionário. Esse processo exige a apresentação de testemunhas e provas quando houver. O funcionário pode inclusive passar por pericia medica. Para evitar esse tipo de processo é fundamental a empresa promover uma policita de respeito entre seus profissionais independente do nível hierárquico e instruir principalmente os lideres para que eles sejam exemplo de boas praticas.

FGST

O Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) é um pagamento obrigatório por parte da empresa. Trata-se de um deposito mensal correspondente a 8% do salário incluindo comissões.
Quando esse deposito mensal não é feito, além de penalidades por parte da legislação, acaba resultando em processos trabalhistas. Portanto, a empresa deve manter em dia o pagamento do FGTS para não ter problemas, fazendo um controle próximo do que o funcionário recebeu.

Hoje as empresas podem contar com tecnologias que auxiliam na contabilização das horas de trabalho, evitando erros de cálculos que levam a ações judicias.

Um processo trabalhista é uma questão delicada tanto para a empresa quanto para os seus colaboradores. É muito importante que as empresas sigam as orientações da legislação a fim de evitar problemas e garantir os direitos ao colaborador devidamente.

E então, gostou do artigo? Siga as nossas páginas nas redes sociais

Débora Freitas
Tudo o que você precisa saber para gerenciar o seu negocio!

Os comentários estão encerrados.

WhatsApp chat